Sobre Lost — About Lost

Posted on maio 25, 2010

0


lost

SPOILERS PARA O FINAL DE LOST! Então, dói meu coração dizer isso, mas eu esperava mais do fim de Lost. Eu não sou uma dessas pessoas que começaram a odiar a série inteira por causa do fim, mas eu esperava mais. Primeiramente, eu achei que o último episódio teve um ritmo um tanto estranho, e por mais que eu tenha gostado da maioria dos momentos “vale a pena ver de novo”, quando chegou no final eu já tava meio cansada deles. Não há Giacchino no mundo que me faça aguentar tantas cenas do mesmo tipo em um mesmo episódio. Acho que teria me emocionado muito mais se algumas das cenas tivessem acontecido em outros epis. Além disso ficou claro que essa temporada foi das mais fracas. Sim, teve seus momentos, mas teve vários plots que não levaram a nada (templo, a infecção do Sayd), e personagens inúteis como Ilana (e de um certo modo, Lapidus). E como se isso não fosse suficiente, quando você pensa na série como um todo, eles convenientemente “esqueceram” várias coisa, como por exemplo a importância de Walt e Aaron (sem falar na Ji Yeon a.k.a. a criança mais esquecida do planeta).

Mas o que realmente me desapontou foi que o final foi mais pra sexta temporada do que para a série propriamente dita. Quer dizer, quando você pensa na história que tem sido contada desde o início da série, ela terminou com o sacrifício do Jack, Hurley como o novo líder e os sobreviventes saindo da ilha (mais uma vez). E mesmo que esse não seja um final dos piores, é bem tradicional. E sinceramente, eu não tenho nada contra finais tradicionais em si, mas não era o que eu esperava de uma série como Lost. Eu queria um último “wtf”, queria que minha cabeça explodisse pela última vez. E ao invés disso eu ganhei o purgatório. Sim, eu estou simplificando e muito o final, mas acho que entendem o que quero dizer.

Então,  por mais que eu ame os roteiristas da série, eu não posso deixar de sentir que eles criaram toda essa história de flashsideways como distração pro fato de que o final da história que eles estavam contando desde a primeira temporada não era lá essas coisas. Porque tudo que aconteceu nos flashsideways tem pouquíssima relevância pro resto da série.

Mas, como eu disse, eu não sinto que perdi meu tempo assistindo a série ou algo do tipo. Porque pode ser clichê, mas Lost foi mais do que uma série, foi uma experiência, e estou muito feliz que fiz parte dela.

Marcado: , ,
Posted in: TV