SYTYCD: 10 (+1) to remember + “Achas que sabes dançar?”

Posted on junho 1, 2010

6


So You Think You Can Dance

Como sempre acontece nessa época do ano o meu vício em sytycd está nas alturas, e tenho assistido vídeos no youtube non-stop! Então eu decidi falar sobre algumas das minhas danças favoritas. Olha eu não digo que essa são as minhas top 10 de todos os tempos, porque fiz essa lista meio rápido e sem pensar muito, então eu provavelmente esqueci várias que poderiam ter entrado.  Eu também ordenei em ordem cronológica e não de preferência. Agora se você quer listas mais completas, com vídeos de todas as temporadas (até a primeira, que é quase sempre esquecida), visite esse canal do youtube.  Ali você vai encontrar um Top 25 para cada temporada, mais um de danças em grupos e mais alguns solos, então o canal dela é um jeito maravilhoso de perder horas da sua vida, e relembrar as melhores danças de cada temporada.

Bench Routine

Bailarinos: Travis Wall, Heidi Groskreutz
Coreógrafa: Mia Michaels

Como vocês provavelmente perceberão até o final da lista, eu sou mega fã da Mia, e pra mim nenhuma lista de melhores “routines” do sytycd está completa sem essa aqui. Não é das coreografias mais complexas da Mia, é mais calma e até mais doce, mas também é bem triste. É claro que o Travis é maravilhoso aqui, mas contemporâneo é o estilo dele e isso já era esperado. Quem me surpreendeu foi a Heidi, já que ela não só executa bem a coreografia como também consegue passar a emoção direitinho. Amo!

Hide and Seek

Bailarinos: Natalie Fotopoulos, Heidi Groskreutz, Donyelle Jones, Travis Wall, Ivan Koumaev, Benji Schwimmer
Coreógrafa: Mia Michaels

Eu não sou muito fã do Imogen Heap como banda, mas toda vez que uma música deles aparece no sytycd eu me apaixono (pela música e pela coreografia). Esse é um caso, pra mim, onde a música foi essencial, porque define todo o “clima” da coreografia. Eu não sei exatamente o conceito dessa dança, já que tudo que eu sei sobre a 2ª e a 3ª temporada vem de vídeos no youtube, mas ela me faz pensar em luto e comunhão. Bem Mia, e bem triste, apesar de que nessa eu acho que consigo ver um pouco de esperança, rs.

SexyBack

Bailarinos: Heidi Groskreutz, Donyelle Jones, Travis Wall, Benji Schwimmer
Coreógrafo: Wade Robson

Mudando completamente o clima da lista, esta coreografia é uma das mais divertidas do Wade. Sim eu gosto do lado negro e doido dele, mas também amo quando ele relembra os tempos em que coreografava pra Britney Spears e faz uma coreografia divertida para uma música divertida. Além disso as caras e bocas de todo mundo são impagáveis!

The Humming Bird and The Flower

Bailarinos: Jaimie Goodwin, Hok Konishi
Coreógrafo: Wade Robson

Com essa aqui eu já estava fisgada antes deles começaram a dançar. A iluminação é simplesmente perfeita e também gosto muito do figurino e da maquiagem. O conceito não é nada de outro mundo, mas a execução é maravilhosa e até mesmo o uso de alguns movimentos de hip hop que poderia ser visto como uma “roubadinha” por parte do Wade (já que Hok dançava hip hop), faz com que a coreografia se torne ainda mais bonita e inesperada.

Bleeding Love

Bailarinos: Mark Kanemura, Chelsie Hightower
Coreógrafos: Tabitha and Napoleon D’Umo

Olha se esse video fosse um disco, provavelmente estaria furado, porque é o vídeo que eu mais assisti em toda a minha a vida. E é meio o que causou a minha paixão por sytycd. Essa foi a primeira temporada que eu assisti, e eu já tava meio caídinha pelo Mark mas depois disso não teve mais volta!  Como eu disse, já assisti isso zilhões de vez mais ainda me dá um frio na barriga quando O Mark arranca o coração da Chelsie. Quem diria que a minha coreografia de hip hop favorita seria dançada por um cara de contemporâneo e uma menina da dança de salão? Isso que é legal no sytycd.

Hometown Glory

Bailarinos: Katie Shean, Joshua Allen
Coreógrafa: Mia Michaels

Eu nunca fui muito fã do Joshua, mas toda vez que assisto isso lembro exatamente porque ele ganhou. Ele era um parceiro perfeito, forte em todos os sentidos da palavra. O que eu mais gosto nessa coreografia é o jeito que a maioria dos movimentos quase que não acaba, eles simplesmente fluem para o próximo segundos antes de realmente serem finalizados. Além disso aquela corrida é uma idéia simples, mas visualmente perfeita. Essa uma das coreografias que brigam pelo meu título de melhor coreografia de todos os tempos no sytycd.

Slow Dancing in a Burning Room

Bailarinos: Katie Shean, Joshua Allen
Coreógrafo: Wade Robson

Eu tinha esquecido completamente da existência dessa aqui quando a redescobri, assistindo uma das compilações da ravenhyena6, e até hoje não sei como pude esquecer uma coreografia tão bonita. É bem mais lírica do que a maioria das coreografias do Wade, mas é igualmente complexa e maravilhosa. Ela não foi criada exclusivamente para o sytycd, e a versão original, mais longa, também merece ser assistida.

Addiction

Bailarinos: Kayla Radomski, Kūpono Aweau
Coreógrafa: Mia Michaels

Acho que essa é provavelmente a coreografia mais emocionante e crua que eu já vi no sytycd. O clima ficou tão pesado que os jurados mal conseguiam elogia-lá. E foi essa coreografia que me fez ver de uma vez por todas que a Kayla era bem mais do que uma garota bonita com lindas e longas pernas e que fez eu me apaixonar mais ainda pelo Kupono (tenho um fraco por bailarinos havaianos, aparentemente). O nível de emoção aqui é simplesmente assustador. Acho que nunca vi uma bailarina se entregar tanto e parecer tão acabada como a Kayla nessa coreografia.

If It Kills Me

Bailarinos: Jeanine Mason, Jason Glover
Coreógrafo: Travis Wall

A primeira coreografia do Travis pro sytycd foi também a minha favorita dele. Acessórios podem acabar com uma coreografia, mas gostei bastante do jeito que usaram o cordão aqui. Travis ainda vai crescer muito como coreógrafo, mas se a primeira coreografia dele foi boa assim, um dia acho que ele vai ser genial.

Comanche

Bailarinos: Kevin Hunte, Jonathan “Legacy” Perez, Channing Cooke, Ariana DeBose, Jakob Karr, Nathan Trasoras, Phillip Attmore, Bianca Revels, Peter Sabasino, Mollee Gray, Pauline Mata, Ellenore Scott, Billy Bell, Kathryn McCormick, Noelle Marsh, Victor Smalley, Karen Hauer, Ashleigh Di Lello, Ryan Di Lello
Coreógrafo: Wade Robson

O programa “Meet the Top 20” que fizeram na última temporada foi uma ótima idéia, e pra mim essa dança em em grupo foi a melhor parte. Todo o conceito de um bar underground antigo foi bem interessante, e eu amo o jeito que cada “gangue” se apresenta. O único jeito de ter sido melhor seria se de alguma forma Wade pudesse ter dançado com eles, porque eu já vi ele ensinando essa  coreografia no youtube e é simplesmente sensacional! Ninguém dança do jeito que o Wade dança.

E como toda vez que eu penso nas minhas coreografias favoritas eu lembro dessa aqui, um bônus do sytycd Canada:

Bailarinos: Vincent-Oliver Noiseux, Lisa Auguste
Coreógrafa: Stacey Tookey

Como no caso do Travis essa foi a primeira coreografia da Stacey que eu vi e continua sendo minha favorita. Eu não sei nem porque eu gosto tanto dela, mas acho que é uma combinação de vários fatores: coreografia interessante, uma música legal, bailarinos favoritos, etc.

Você provavelmente já percebeu que eu meio que amo contemporâneo, né? É estranho porque antes de assistir SYTYCD eu mal tinha ouvido falar de dança contemporânea, mas desde que eu comecei a assistir é o meu gênero favorito. Eu gosto dos outros estilos também (e talvez eu faça uma lista sem contemporâneo um dia desses), mas no geral contemporâneo é o meu gênero favorito.

E já que eu estou falando de sytycd tenho que dizer que ontem comecei a assistir a versão portuguesa, “Achas que sabes dançar?” e é simplesmente hilário! Nem anto pela dança, que não é lá essas coisas mas também não chega a ser catastrófica, mas sim pelo sotaque hilário dos portuguêses e pelas palavras e expressões que ele soltam, do estilo “Você não foi basilar!”, “Gostei do seu power”, etc. Sério, se você é fã de sytycd e quer rir um pouquinho, assista aqui.

E quanto a você, quais são suas coreografias favoritas?

Posted in: TV